Tipos de IA

Olá.  Pessoal, tudo bem? Hoje iremos falar sobre Inteligência Artificial. Recentemente já abordamos esse tema em outro post, porém hoje irei detalhar a vocês os tipos de IA existentes, e como aplicá-las.

                Existem vários tipos de inteligência artificial, que se dividem conforme o uso necessário e aplicação de cada uma delas, porém existem 3 mais utilizados, que são eles: ANI (Inteligência Artificial Limita), AGI (Inteligência Artificial Geral), ASI (Superinteligência). 

ANI: Inteligência Artificial Limita

                Responsavel por armazenar uma quantidade enorme de dados e executar as tarefas mais complexas possíveis, ela só faz aquilo que foi programada, ou seja, não aprende. Extremamente capaz de executar os cálculos matemáticos mais difíceis do mundo, e com muita rapidez, é chamada de IA fraca, simplesmente pelo fato de fazer apenas aquilo que é ordenado.

                Nessa classificação de IA, existe ainda 2 subcategorias: Máquinas reativas, e Memória Limitada.

                As reativas contem recursos bem limitados, não armazenam muitos dados e reagem apenas aos estímulos pré-definidos nas configurações.

                Já a memória limitada todos vocês conhecem. Ela é considerada um avanço as máquinas reativas, pois conseguem armazenar mais informações e podem usar elas para a tomada de decisão. Um exemplo disso é o serviço de streaming que você usa. Sabe aquela música ou filme que lhe recomendam baseados no seu interesse? É uma IA te estudando e usando seu gosto para te trazer um bom conteúdo.

AGI: Inteligência Artificial Geral

                Essa é conhecida como “IA forte”, ou até mesmo “Nível Humano”. Ela é capaz de executar as tarefas que um humano consegue fazer. Ela aprende através de técnicas de Machine Learning, e consegue aprender a partir de alguns estímulos bem específicos que são executados.

                Nessa classificação de IA, existe ainda 2 subcategorias: Máquinas Cientes, e Máquinas Autoconscientes.

                Máquinas Cientes: Além de compreender os estímulos que elas recebem, elas são capazes de enxergar tudo o que acontece no mundo, e conseguem processar essas informações para executar ações.

                Máquina Autoconscientes: Ela tem consciência do mundo e dela mesma. Isso a ajuda a entender melhor o que está acontecendo tanto externamente, como que com ela mesma. Um exemplo que lhe ajudará a entender. Quando você ri, ou quando você chora, é porque algo aconteceu que te levou a ter essa reação, isso é seu consciente entendendo e reagindo a alguma ação. Esse tipo de IA funciona da mesma forma.  Sinistro né rs. 

ASI: Superinteligência

Esse tipo de Inteligência é a única que realmente não existe ainda, pois está em estudos. Mas já existem teorias que ela será superior a inteligência humana, ou seja, poderá executar ações que os humanos não conseguem executar sozinhos.

Exemplos de IA na sua vida:

Sem contar o streaming que já mencionei anteriormente, temos a SIRI (Apple), Google Assistente (Google), Alexa ( Amazon), estão na lista das IAs mais conhecidas hoje. Quem tem um Iphone já disse a palavra” E aí siri”. Ele se aplica a Google assistente que é capaz de procurar uma foto na galeria para você. E a Alexa então que além de lembrar os seus lembretes, acende e apaga as luzes compatíveis a ela, liga e desliga sua televisão de qualquer máquina, e até controla a sua tomada com apenas um plug inteligente.

Sobre Bianca Dezorzi 94 Artigos
Pós Graduada em Gestão de T.I, estou sempre aprendendo e consumindo conteúdos de Gestão. Atualmente sou Customer Success Manager na BNP e coordeno uma poderosa Central de Serviços. E nas horas vagas? Amo passear na natureza com meus cachorrinhos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*